O QUE É MAPA ACESSÍVEL OU MAPA TÁTIL E SUA IMPORTÂNCIA?

Para qualquer pessoa, ficar perdido em um lugar grande é bem mais comum do que você pensa. O problema é que muitos desses lugares não possuem tanta sinalização quanto deveriam, o que acaba dificultando ainda mais encontrar o caminho certo.

 

Para deficientes visuais, a situação pode ser mais complicada. Sem a presença de sinalizações adequadas, ficar perdido é bem fácil.

 

O que ajuda um pouco em certos lugares é a presença de um mapa tátil, ou mapa acessível, que vai te mostrar onde está e para onde ir em um único quadro.

 

A FUNÇÃO DO MAPA TÁTIL

 

Em ambientes grandes, o mapa tátil, ou mapa acessível, é uma forma de você conseguir ter uma ideia dos caminhos a percorrer e da extensão do local onde você está atualmente.

 

Para o deficiente visual, é uma forma de conhecer todo o espaço a sua volta, tendo, mais ou menos, em mente o quão grande determinado ambiente é e onde precisamente fica o local onde quer ir.

 

Claro, por todo o lugar existirão sinalizações, no entanto, o mapa tátil vai dar uma noção a mais de por onde deve passar para chegar.

 

Além disso, o mapa tátil, ou mapa acessível ajuda o deficiente físico a encontrar a rota mais curta para o seu destino.

 

CARACTERÍSTICAS DO MAPA TÁTIL

 

Os mapas táteis, como eu já mencionei são postos em lugares onde a necessidade de buscar meios acessíveis de chegar a determinados lugares é importante.

 

Em bancos, por exemplo, o mapa tátil, ou mapa acessível é uma forma das pessoas saberem mais facilmente onde ficar o local na qual precisam ir em caso de ausência de funcionários que orientem.

 

Estes mapas possuem textos em braile para facilitação de deficientes visuais, e alto relevo, como linhas que passam de área para área. Ou seja, uma pessoa com deficiência visual busca por uma sala específica.

 

o mapa tátil, ou mapa acessível conterá o lugar onde ele está atualmente, ou seja, no exato ponto do mapa tátil. A partir daí, a pessoa usa o tato segundo as linhas em alto relevo, verificando as escritas em braile até encontrar a sala desejada.

 

ONDE ESSES MAPAS ESTÃO PRESENTES?

 

Em bancos você, geralmente, vai ver um mapa tátil logo na entrada ou ao centro da sala. Outros lugares onde a movimentação de pessoas é alta como museus, rodoviárias, edifícios, shoppings, etc. contém o mapa tátil, ou mapa acessível.

 

A NORMA DE INSTALAÇÃO CONTIDA NA NBR 9050 DA ABNT

 

Uma altura padrão de 0,90m e 1,10m foi a estabelecida para a instalação do mapa tátil, assim, qualquer pessoa, alta ou baixa, não terá problemas em acessá-lo.

 

Além disso, a norma também estabelece, em caso de deficientes físicos usuários de cadeiras de rodas uma reentrância inferior, de mais ou menos 0,30m de profundidade.

 

Dessa forma, não haverá problemas em se aproximar com uma cadeira de rodas para conseguir visualizar o mapa tátil, ou mapa acessível, sem problemas.

 

O mapa tátil, ou mapa acessível, é produzido de vários materiais, como acrílico, PVC, ACM ou mesmo de policarbonato. Esses mapas são estrategicamente inclinados cerca de 15% em relação ao piso.

 

Dessa forma, pessoas mais baixas, ou cadeirantes, podem enxergá-lo sem esforço. Tudo isso parece muito interessante, considerando a dedicação da norma em proporcionar igualdade e acessibilidade a todos. O problema é que nem todos os estabelecimentos aderem.

 

O maior problema nisso tudo é, na minha opinião, a falta de fiscalização rígida, sendo que eu mesmo já visitei grandes lugares que deveriam possuir esse sistema, porém, não os tem.

 

CONCLUSÃO

 

O mapa tátil, ou mapa acessível, é uma forma de conseguir dar mais autonomia a deficientes visuais ou físicos, ajudando-os a conhecer melhor o lugar, conhecer rotas e evitar que se percam.